Paixão de muitos jovens, e cada vez mais de adultos também, o vídeo game tem se mostrado um forte mercado, movimentando milhões por ano. Tantos os “gamers” (uma espécie de profissão, que, por meio de patrocínios, pessoas recebem para poder jogar em campeonatos de vídeo game), como os jogadores que fazem uso da tecnologia só por diversão, tem se tornando um público-alvo bastante lucrativo. Mesmo com as dificuldades que a pirataria traz, o mercado dos games já tem uma realidade animadora.

Dentre os jogos, existe gênero para todos os gostos: jogos de luta, jogos de futebol, sinuca, moto, jogos de meninas e até jogos de bicicleta. O esporte, em especial, é uma área bastante explorada pelos games. Existem jogos de renome no futebol, como FIFA e Pro Evolution Soccer. Outros esportes como basquete, vôlei, futebol americano e tênis também têm seus respectivos representantes no mundo dos jogos.

Um esporte que tem bastante destaque na venda de games é a área de corridas. Jogos de carros são paixões de jogadores de todas as épocas. Um jogo de corrida é qualquer um que envolva percorrer uma determinada distância em menor tempo. Apesar das variações entre um jogo e outro, esse conceito é seguido por todos do gênero. O primeiro jogo com essas características foi um jogo da empresa Nanco, o “Night Driver”, de 1976, para o console do Atari. O jogo se baseava em dirigir um carro de noite sem bater na pista ou em outros obstáculos. Outros apontam como primeiro jogo realmente de corrida o “Pole Position”, de 1982, também para Atari. Esse último foi um dos principais jogos de corrida de sua geração, competindo apenas com um da “Activision” chamado “Enduro”.

Existe um certa divisão entre dois tipos de jogos de carros: os simuladores e os jogos de arcade. Os simuladores são jogos que tentam se aproximar da realidade, com carros como os de verdade, pistas reais... enfim, buscam simular a sensação de realmente estar dirigindo um carro de verdade. Já os de arcade são mais fantasiosos, mas igualmente divertidos. A variedade é grande: jogos de Kart (como Mario Kart), carros tunados (Need for Speed), futuristas ( Top Gear 3000), de batalha de carros (Burnout) entre outros.

Tanto no Brasil como no mundo, a paixão por carros, e a adrenalina de estar em alta velocidade contribui para que jogos de carro estejam sempre entre os mais vendidos e apreciados pelos “gamers”.